Idioma:

Futuro com menos carbono e mais eletricidade

20 de março de 2012 | Em Curiosidades | 373 visualizações | Por

Clique e compartilhe: 


Energia LimpaImagine um mundo com muita energia… energia limpa. Quão diferente seria a civilização com menos limites de energia – com menos risco de mudanças climáticas, sem pico de petróleo e com mais formas renováveis de fornecimento de energia para uma população explodindo mundialmente?

Mas este não é o cenário atual. As necessidades de energia de hoje são atendidas em grande parte por fontes com alto nível de carbono e tecnologias ineficientes. Mas, e há uma alternativa melhor? Como poderíamos usar o mais novo conhecimento científico para nos preparar da melhor maneira possível para um futuro com menos carbono e mais eletricidade?

Para explorar essas questões, a Waterloo Global Science Initiative (WGSI) montou um grupo multinacional, interdisciplinar e multigeracional em junho de 2011 para o Equinox Summit: Energy 2030. Juntos, esses cientistas pioneiros, consultores de política, empresários e líderes futuros adotaram uma nova abordagem concentrada no que a ciência e a tecnologia podem fazer para enfrentar os desafios de energia global.

Aproveitando o resultado desta colaboração em junho, os participantes criaram o Equinox Blueprint: Energy 2030 – uma visão detalhada das tecnologias de energia de maior impacto, com um conjunto de estratégias de implementação; um mapa para um futuro com energia mais limpa e mais sustentável.

Faça o download do Equinox Blueprint: Energy 2030, agora disponível no: http://wgsi.org/content/equinox-blueprint-energy-2030

As cinco estratégias tecnológicas e etapas de implementação são:

1. Tecnologias de armazenagem de energia para viabilizar a geração de eletricidade renovável

2. Geotérmica aprimorada, aproveitamento do calor da Terra com as técnicas já dominadas

3. Reatores nucleares avançados para segurança aprimorada com o uso de recursos inesgotáveis (urânio reciclável, tório e alto nível de refugo) para fechar o ciclo do combustível

4. Eletrificação fora da grade com o uso de células solares flexíveis e micro-grades auto-sustentáveis

5. Cidades inteligentes e transporte elétrico para um futuro global dominado pela vida urbana

“O Equinox Summit: Energy 2030 foi um tipo diferente de colaboração que destacou o diálogo da ciência, política, indústria e líderes de 2030″, disse o Professor Jatin Nathwani, Consultor Científico do Equinox Summit e Diretor Executivo do Waterloo Institute for Sustainable Energy (WISE) da University of Waterloo. “O grupo multinacional e multigeracional chegou a uma nova abordagem afastando-se dos impasses políticos, e voltou-se para uma estratégia de ciência concentrada nas soluções. Eles oferecem as próximas etapas pragmáticas para a adoção de uma transição da energia global”.

“O Equinox Blueprint: Energy 2030 oferece para os leitores uma visão bem informada das tecnologias emergentes de energia e um futuro com energia limpa que esteja ao alcance global”, disse Aaron Leopold, membro do Equinox Summit Forum e Diretor de Ambiente e Desenvolvimento Sustentável do Global Governance Institute em Bruxelas. “Esperamos que este conhecimento apresentado pelo Blueprint ajude a realinhar o diálogo global de energia para um direcionamento positivo e colaborador, e motive os leitores a acelerar os trabalhos para o alcance de uma energia limpa e sustentável para todos”.

Sobre a WGSI

Fundada em 2009, a Waterloo Global Science Initiative (WGSI – Iniciativa de Ciências Global de Waterloo) sem fins lucrativos é uma parceria do Perimeter Institute for Theoretical Physics com a University of Waterloo. Localizada em Waterloo, Ontário, Canadá, a WGSI tem por objetivo apresentar conferências internacionais altamente focadas que avancem o diálogo e catalisem o pensamento de longo prazo necessário para a criação de soluções científicas e tecnológicas do futuro.

Para mais informações:

Perguntas da mídia

RJ Taylor

Contato da WGSI Communications

rtaylor@wgsi.org

226-220-8387

Notícia distribuída por PR Newswire

Webdesigner, Técnico em Hardware, Técnico em Mecatrônica e estudante de Medicina.



Deixe seu comentário

Um pouco sobre nós

    O Grupo Dicas em Geral surgiu em 2007 a partir de idéias inovadoras sobre solução de problemas enfrentados diariamente por quem utiliza a Tecnologia e Informática, tanto usuários comuns quanto técnicos. Mas onde surgiu, por quê e qual é o propósito deste site?

Clique aqui e conheça!

Siga o Dicas em Geral no Google+

Vídeo da Semana