Idioma:

Confira a Evolução dos Sistemas Operacionais

20 de setembro de 2010 | Em Dicas | 18,1 mil visualizações | Por

Clique e compartilhe: 


guiHoje em dia você conhece os mais requintados Sistemas Operacionais, com efeitos gráficos cada vez mais realistas e impressionantes. Mas e que tal fazer uma pequena viagem no tempo, descobrir como tudo começou e como foi a evolução até aqui? Esta é proposta do Grupo Dicas em Geral para com você. Já fez as malas? Então vamos lá.

Primeiramente, explicaremos o significado da sigla GUI, que será muito utilizada no decorrer desta matéria. Graphical User Interface (Interface Gráfica do Usuário) é a parte visível do Sistema Operacional, que permite ao usuário interagir com o sistema observando suas opções e selecionando-as, gerando comandos e executando tarefas no computador.

A primeira GUI desenvolvida foi no ano de 1970, pela Xerox Palo Alto Research Center (PARC). O primeiro computador a usar uma interface gráfica foi o Xerox Alto, em 1973. Este não era comercializável, era de uso restrito a pesquisadores e universidades.

xerox alto

Xerox 8010 Star

Este foi o primeiro sistema totalmente integrado a um desktop com aplicações e GUI, lançado em 1981. Começou com o nome de The Xerox Star, passando para ViewPoint e, finalmente, GlobalView.

xerox 8010 star

Apple Lisa Office System 1

Também conhecido como Lisa OS, este era um sistema para escritório, desenvolvido pela Apple (1983) com a intenção de montar uma banca de desenvolvimento de documentos.

apple lisa 1

apple lisa os 1

VisiCorp Visi On

Visi On foi a primeira GUI desenvolvida para o IBM PC. Esse sistema atingiu grandes empresas e custou muito caro. A GUI criada para usar o mouse também continha instalador de programas e sistema de ajuda, porém dispensava o uso de ícones.

visi on

visi on

Mac OS System 1.0

O sistema 1.0 foi a primeira GUI desenvolvida para Macintosh. Este bastante moderno, incluindo recursos de janelas. As janelas podiam ser movidas pelo mouse, e os arquivos copiados com um simples arrastar e soltar.

mac os 1

Amiga Workbench 1.0

A GUI incluía recursos como cores, semi-multitarefas, som estéreo e ícones.

amiga workbench 101

amiga workbench 10

Windows 1.0

Em 1985 a Microsoft finalmente desenvolveu o Windows 1.0, seu primeiro sistema baseado na interface GUI. Contava com ícones de 32×32 pixels e cores diversificadas. O recurso mais interessante ficava por conta do relógio analógico animado.

windows 1

windows 11

GEM

GEM (Graphical Environment Manager) foi um estilo de janelas baseado em GUI desenvolvido pela Digital Research, Inc. (DRI). Foi inicialmente criado para uso com sistemas operacionais CP/M nos processadores Intel 8088 e Motorola 68000, e depois desenvolvido para DOS. A maioria das pessoas se lembram da GUI GEM pelos computadores Atari ST. Este também foi usado na série Amstrad da IBM. Foram divulgados diversos aplicativos. A GUI foi implantada em outros computadores mas não fez tanto sucesso nestes.

gem 11 desktop1

IRIX 3

O sistema operacional 64-bit IRIX foi criado em UNIX. Um recurso interessante desta GUI foi o suporte para ícones em vetores. Este recurso foi implantado na GUI muito antes do Mac OS X existir.

irix 33

GEOS

GEOS (Graphic Environment Operating System) foi desenvolvido pela Berkeley Softworks (posteriormente GeoWorks). Foi originalmente desenvolvido para o Commodore 64, incluindo um editor de textos, chamado de geoWrite e um programa de desenhos (pinturas) denominado geoPaint.

geos commodore 64

Windows 2.0

Nesta versão, a interação com as janelas foi aprimorada. As janelas poderiam ser restauradas, redimensionadas, minimizadas e maximizadas.

windows 2

windows 21

OS/2 1

OS/2 foi originalmente co-desenvolvido pela IBM e Microsoft, mas em 1991 as duas companhias se separaram, com a Microsoft incorporando a tecnologia na GUI no Windows e a IBM desenvolvendo o OS/2 sozinha. A GUI usada no OS/2 foi chamada de “Presentation Manager”. Esta versão da GUI somente suportava gráficos monocromáticos e ícones fixos.

os 2 1

os 2 11

NeXTSTEP / OPENSTEP 1.0

Steve Jobs brilhou com a idéia de criar um computador perfeito para pesquisadores e universidades. A idéia envolveu posteriormente a criação da NeXT Computer Inc.

O primeiro computador NeXT foi criado em 1988, com diversos avanços em 1989 e o desenvolvimento da GUI NeXTSTEP 1.0, posteriormente OPENSTEP.

Os ícones da GUI eram grandes (48×48 pixels) e incluíam diversas cores. A GUI era monocromática, mas a versão 1.0 iniciou suporte a mais cores. Este foi um grande ponta-pé inicial para as GUIs modernas.

nextstep 1

OS/2 1.20

A próxima versão da GUI teve diversos aprimoramentos em várias áreas. Os ícones nas janelas passaram a ser mais interativos.

os 2 12

Windows 3.0

Nesta versão, a Microsoft introduziu todo o seu potencial na GUI, e iniciou um processo de aprimoramento na mesma.

O sistema operacional suportava modos standard e enhanced 386, suportando altas capacidades de memória como 640 KB e disco rígido maior, podendo ser utilizadas telas grandes e melhores gráficos, como SuperVGA 800×600 e 1024×768.

A Microsoft contratou Susan Kare para desenhar os ícones do Windows 3.0 e adicionar um único estilo à GUI.

windows 3

windows 31

Amiga Workbench 2.04

Muitos aprimoramentos foram feitos nesta versão da GUI. As cores foram alteradas e o 3D foi implementado. A área de trabalho foi dividida em telas de diferentes resoluções e cores, que hoje parece ser muito estranho. A resolução padrão era 640×256, mas o hardware suportava, também, resoluções maiores.

amiga workbench 2

Mac OS System 7

A versão 7.0 do Mac OS foi a primeira GUI Mac OS com suporte à cores. Cinza, azul e amarelo foram adicionadas aos ícones.

macos 7

macos 7

Windows 3.1

Esta versão do Windows inclui fontes TrueType pré-instaladas. Isso resultou, pela primeira vez, em uma plataforma Windows de publicação funcional para desktops.

Anteriormente, só era possível atingir essa funcionalidade no Windows 3.0 usando o Gerenciador da Adobe Type (ATM), sistema de fontes da Adobe. Esta versão também inclui um esquema de cores chamado Hotdog Stand, que continha tons brilhantes de vermelho, amarelo e preto.

Este esquema de cores foi criado para ajudar pessoas com algum grau de daltonismo a enchergar textos/gráficos na tela com mais facilidade.

windows 311 workspace

OS/2 2.0

Esta foi a primeira GUI que foi submetida a aceitação internacional, usabilidade e testes de acessibilidade. A GUI toda foi desenvolvida utilizando projeto orientado à objetos. Todos os arquivos e pastas eram objetos que poderiam ser associados com outros arquivos, pastas e aplicações. Incluiu, também, a função de arrastar e soltar.

os 2 2

os 2 21

Windows 95

A interface do usuário foi totalmente redesenhada desde a versão 3. Esta foi a primeira versão do Windows em que um pequeno botão de fechar foi adicionado em cada janela.

A equipe de projeto deu os estados ativado, desativado, selecionado, marcado etc. para os ícones e outros componentes gráficos. O famoso menu Iniciar aparece pela primeira vez.

Este foi um grande passo para a Microsoft quanto ao próprio sistema operacional e interface gráfica unificada.

windows 951

windows 95

OS/2 Warp 4

A IBM lançou o OS/2 Warp 4, que trouxe uma facilidade significativa para a área de trabalho.

Os ícones foram posicionados sobre o desktop, onde arquivos e pastas personalizadas também podiam ser criados. A lixeira que apareceu foi semelhante à do Windows e do Mac OS, exceto que se apaga o arquivo ou pasta imediatamente, e não são guardadas quaisquer cópias adicionais para recuperação posterior.

os 2 warp 4

os 2 warp 41

Sistema Mac OS 8

256 cores nos ícones foi o padrão nesta versão da GUI. O Mac OS 8 foi um dos pioneiros dos ícones do estilo isométrico, também chamado de ícones pseudo-3D. O tema cinza platina se tornara uma marca registrada para as futuras versões da GUI.

macos 8

Windows 98

Os estilos de ícones eram quase o mesmo que no Windows 95, mas a GUI toda poderia usar mais de 256 cores de processamento. O Windows Explorer mudou quase completamente e o “Active Desktop” apareceu pela primeira vez.

windows 98

KDE 1.0

É assim que a equipe KDE descreveu o projeto ao liberar a versão 1.0: “KDE é uma rede transparente, o ambiente desktop moderno para sistema UNIX. O KDE procura preencher a necessidade de um desktop, fácil de usar para estações de trabalho Unix, similar aos ambientes de desktop encontrados em Mac OS ou Window 95/NT. A plataforma de computação é completamente livre e aberta disponível para todos gratuitamente, incluindo seu código-fonte para qualquer modificação.”

kde 10

BeOs 4.5

O sistema operacional BeOS foi desenvolvido para computadores pessoais. Foi escrito originalmente pela Be In, em 1991, para rodar em hardware BeBox. Posteriormente, foi desenvolvida para tirar proveito de novas tecnologias de hardware como multiprocessamento simétrico, utilizando módulos de banda I/O, multithreading, multitarefa preemptiva e uma opção 64 bits do sistema de arquivos conhecida como BFS. A GUI BeOS foi desenvolvida nos princípios de clareza de um design limpo e organizado.

beos desktop

GNOME 1.0

A área de trabalho GNOME foi desenvolvida principalmente para o Red Hat Linux, posteriormente para outras distribuições Linux também.

gnome 1

Mac OS X

No início do ano 2000 a Apple anunciou a sua nova interface Aqua e, em 2001, a empresa lançou com o seu novo sistema operacional chamado Mac OS X.

O padrão de ícones 32×32 e 48×48 foram alterados para ícones grandes (128×128) com suavização de serrilhado e semi-transparência.

Muitas das críticas seguiram após o lançamento desta GUI. Aparentemente, os usuários não estavam completamente prontos para uma mudança tão grande, mas logo adotaram o novo estilo e hoje a GUI representa a base de todos os sistemas operacionais Mac OS X.

mac osx 1

Windows XP

Como a Microsoft tende a mudar completamente a sua GUI com cada versão do sistema operacional, com o Windows XP não foi diferente. A interface gráfica em si é personalisável, onde o usuário pode mudar toda a aparência e a sensação da interface a qualquer momento. Os ícones tem tamanho padrão de 48×48, processados em milhões de cores.

windows xp

KDE 3

A partir da versão 1.0, o KDE melhorou significativamente. Eles remodelaram todos os gráficos e ícones, unificando toda a experiência do usuário.

kde 3

Windows Vista

Esta foi a resposta da Microsoft à sua concorrência. Inclui também muitos efeitos 3D e animações. Desde o Windows 98, a Microsoft sempre tentou melhorar o ambiente de trabalho. Com o Windows Vista, eles lançaram widgets e uma substituição parcialmente melhorada do Active Desktop.

windows vista

Mac OS X Leopard

Com sua sexta geração, o sistema Mac OS X da Apple, mais uma vez, melhorou a interface do usuário. A GUI padrão ainda é a Aqua, com suas barras de rolagem em cinza platina e azul. A nova GUI possui um aspecto mais 3D, com o dock 3D e muito mais animações interativas.

mac osx leopard

GNOME 2.24

O GNOME depositou um grande esforço na criação dos temas e obras de arte na v2.2.4, com o objetivo de “tornar seu computador a sua cara”. Eles participavam de um concurso para criar alguns dos cenários mais interativos.

gnome en gb

KDE v4

A versão 4 do KDE trouxe muitas novas melhorias para a interface gráfica, tais como animação, eficiente gestão de janelas e suporte para widgets no desktop. O tamanho dos ícones são facilmente ajustáveis e quase todos os elementos de design são muito mais fáceis de se configurar. Algumas das mudanças mais notáveis incluem novos ícones, temas e sons, que são fornecidos pelo Projeto Oxigênio (Oxygen). Estes ícones são mais realistas. É definitivamente uma grande melhoria em relação às versões anteriores do KDE. Agora também pode ser executado em plataformas Windows e Mac OS X.

kde

Windows Seven (7)

O Windows 7 é uma atualização mais modesta para a linha de sistemas Windows, e veio com a intenção de torná-lo totalmente compatível com aplicações e hardwares com os quais o Windows Vista já era compatível. O sistema conta com um “Shell” novo, com uma barra de tarefas diferente, um sistema de “network” chamado de “HomeGroup” e um grande aumento na performance. Algumas aplicações que foram incluídas em lançamentos anteriores do Windows, como o Calendário do Windows, Windows Mail, Windows Movie Maker e Windows Photo Gallery não foram incluídos no Windows 7. Alguns destes são oferecidos separadamente como parte integrante do Windows Live Essentials.

windows 7 beta

Você, provavelmente, está utilizando uma destas GUIs em seu computador neste exato momento. O que você acha dela? Depois de acompanhar toda a evolução dos Sistemas Operacionais, saberia nos dizer o que há de vir? As mudanças foram totalmente notáveis desde o início da computação inteligente. Deixe o seu comentário, utilizando o formulário abaixo.

De Ivaiporã/PR, Engenheiro de Computação, Administrador do Grupo Dicas em Geral. Apaixonado por Tecnologia e Informática.



Um pouco sobre nós

    O Grupo Dicas em Geral surgiu em 2007 a partir de idéias inovadoras sobre solução de problemas enfrentados diariamente por quem utiliza a Tecnologia e Informática, tanto usuários comuns quanto técnicos. Mas onde surgiu, por quê e qual é o propósito deste site?

Clique aqui e conheça!

Siga o Dicas em Geral no Google+

Vídeo da Semana