Idioma:

Como escolher uma boa placa de vídeo

2 de março de 2012 | Em Dicas | 3,9 mil visualizações | Por

Clique e compartilhe: 


gforceA grande tendência para o mercado de videogames são os games com alto nível de detalhamento, os Massive Multiplayer Online Role Playing Games – MMORPG, jogos de RPG Online – e o First Person Shooter – FPS, no qual o jogador assume a posição de atirador. Alguns exemplos de sucesso são World of Warcraft (MMOPG), Battle Field e Call of Duty (ambos FPS).

O crescimento desse mercado tem impactado diretamente no aumento da procura por computadores, placas e processadores que possibilitem a boa reprodução dos jogos. Placas gráficas, processadores, placas-mãe agora não são assuntos restritos aos profissionais da tecnologia, mas também são temas de discussão entre os gamers.

Mas, qual será a chave para aproveitar bem todas as funcionalidades dos jogos 3D ou em alta definição? Será que um monitor de qualidade é o suficiente? Um monitor só reproduz fielmente os detalhes das imagens se a placa gráfica tiver alta velocidade de processamento. Então, a dica é: para aproveitar plenamente todos os detalhes dos games, escolha uma placa de alto desempenho.  Traduzindo: a placa gráfica transforma os dados do processador em imagens, preenchendo os pixels da tela. Em jogos de alta resolução, o computador chega a fazer esse processamento de pixels mais de 60 vezes por segundo.

E como escolher uma placa gráfica?Atualmente, a maioria das placas gráficas tem no mínimo 512MB de memória, mas, mais importante do que armazenamento é a capacidade de transferência de dados. Prefira equipamentos com uma boa memória (DDR 3 ou 5, que são potentes para acompanhar a velocidade do processador),  e uma boa banda (128, 256 ou 384 bits). Por ser responsável pela comunicação entre a memória e o processador gráfico, a banda é vital para boa reprodução dos gráficos dos jogos.

Para calcular a capacidade de transferência de dados, devemos multiplicar a frequência da placa (em mega-hertz, MHz) pela banda (em bits) e dividir por oito. Difícil? Vamos ao exemplo. Em uma placa de vídeo de 512 MB, DDR 4, 2.250 MHz, 256 bits teremos: 2.250 x 256/ 8, resultando em 72GB/s. Uma ótima velocidade de transferência de dados.

Tendo uma boa capacidade de transferência, certifique-se de que o sistema de refrigeração da sua placa é eficiente. O processamento de gráficos complexos exige muito do equipamento, aquecendo-o e, sem um bom sistema de refrigeração, a placa superaquece e sua diversão pode durar pouco. Cheque a ventoinha do cooler e, quando em uso, faça revisões periódicas para limpeza, evitando zunidos e superaquecimento.

Por último, mas não menos importante, já é possível encontrar placas dedicadas com overclock de fábrica, ou seja, com o desempenho otimizado por meio de um processo que leva o equipamento à sua máxima potência, superando seus limites e dobrando o rendimento do computador. Se você optar por uma placa sem overclock, pode fazer o processo em casa por meio de um software. Mas fique atento: placas com overclock de fábrica têm rendimento superior.

Com uma boa placa gráfica, processador e monitor, é só escolher o jogo e aproveitar a diversão.

Com informações de olhardigital.uol.com.br

Webdesigner, Técnico em Hardware, Técnico em Mecatrônica e estudante de Medicina.



Deixe seu comentário

Um pouco sobre nós

    O Grupo Dicas em Geral surgiu em 2007 a partir de idéias inovadoras sobre solução de problemas enfrentados diariamente por quem utiliza a Tecnologia e Informática, tanto usuários comuns quanto técnicos. Mas onde surgiu, por quê e qual é o propósito deste site?

Clique aqui e conheça!

Siga o Dicas em Geral no Google+

Vídeo da Semana