Idioma:

Flash perde espaço e HTLM5 será consagrado

17 de novembro de 2011 | Em Notícias | 290 visualizações | Por

Clique e compartilhe: 


adobeA Adobe anunciou recentemente que o Flash Player 11.1 poderá ser a última versão do Flash próprio para navegadores móveis. Para tanto, Mike Chambers, chefe dos desenvolvedores da Adobe, publicou uma explicação para tal decisão da empresa.
“A decisão é parte de uma grande mudança estratégica da Adobe”, disse Chambers. “Uma dessas mudanças é focar no HTML5, assim como no Adobe Creative Cloud e nos serviços que ele pode prover”.
Chambers listou ainda cinco razões principais que levaram a empresa optar pela finalização do Flash Player 11.1. Veja abaixo:

  • O Flash nunca terá uma grande visibilidade em dispositivos móveis, já que, a maior fabricante desse ramo, a Apple, não adotou a tecnologia em seus iPhones e iPads. “Não importa o que fizéssemos, que o Flash não estaria disponível no iOS da Apple”, disse Chabers.
  • O HTML5 é onipresente. “Em dispositivos móveis, o HTML5 oferece um nível similar de presença que o Flash Player oferece ao desktop”, afirmou.
  • Os consumidores não possuem o hábito de usar o  conteúdo em aparelhos móveis do mesmo jeito que costumam fazer em desktops. Várias coisas como as diferenças do tamanho das telas, os problemas com redes sem fio e a disseminação das lojas de aplicativos fizeram do Flash irrelevante em mobiles.
  • Desenvolver plugins para mobile é mais desafiador do que para desktop. “Desenvolver o Flash Player para mobile mostrou que é preciso muito mais recursos do que imaginávamos”, admitiu.
  • A Adobe quis mudar mais recursos para HTML5, e assim liberando o Flash de forma gratuita para dispositivos móveis.

No final do anúncio, Chambers ainda disse que “Se um recurso Flash é bem sucedido, ele será integrado ao navegador, e se os desenvolvedores e usuários vão acessá-lo cada vez mais pelo navegador, e não pelo Flash”.
“Muitas das coisas que você já fez usando o Flash, fará com o HTML5 e o CSS3 diretamente no navegador”, finalizou o chefe dos desenvolvedores da Adobe.



Um pouco sobre nós

    O Grupo Dicas em Geral surgiu em 2007 a partir de idéias inovadoras sobre solução de problemas enfrentados diariamente por quem utiliza a Tecnologia e Informática, tanto usuários comuns quanto técnicos. Mas onde surgiu, por quê e qual é o propósito deste site?

Clique aqui e conheça!

Siga o Dicas em Geral no Google+

Vídeo da Semana