Idioma:

Foxconn obriga estudantes a estágiar em suas fábricas, diz rumor

16 de fevereiro de 2012 | Em Notícias | 206 visualizações | Por

Clique e compartilhe: 


FoxconnQue a imagem da política de trabalho da Foxconn não é das melhores, isso não é novidade. Mas um novo “segredinho sujo”, se confirmado, pode minar ainda mais a reputação da gigantesca montadora chinesa dos gadgets mais cobiçados do mundo, como iPhones, iPads e tantos outros. Segundo informações do site Motherboard, a Foxconn possui o maior programa de estágios do mundo, empregando só nos meses do verão chinês cerca de 180 mil estudantes – tudo para atender à demanda do mercado ocidental.

Usando o jovem Liu Jiang como personagem (o garoto cometeu suicídio ao atirar-se do telhado da fábrica menos de um mês depois de se empregar nela), o Motherboard detalha em reportagem algumas informações do programa de estágios da Foxconn. Segundo o canal, estudantes que arranjam emprego na fábrica deveriam ter moradia, comida e ajuda de custos equivalente à metade do salário de um empregado “efetivo”. Entretanto, a realidade é bem mais obscura, pelo que aponta o site: a SACOM (Scholars Against Corporate Misbehavior, uma associação acadêmica que critica a Foxconn) diz que o número de 180 mil estagiários é uma mentira criada pela própria fábrica – o número real seria próximo de 430 mil, ou um terço da mão de obra de 1,3 milhão de empregados da empresa.

A história vai além: estagiários da Foxconn, além de não gozarem dos direitos acima descritos, por vezes devem trabalhar em regime efetivo, mas sem a compensação salarial de um empregado dessa categoria. Ainda segundo o Motherboard, a maior parte dos estagiários da Foxconn são contratados via agências de emprego. No caso da morte do jovem Liu Jiang, por exemplo, a fábrica negou qualquer relação, alegando que, por ele vir por intermédio de recrutadores terceirizados, a Foxconn não era “totalmente responsável” pela manutenção da saúde do estudante.

Com informações de olhardigital.uol.com.br

Webdesigner, Técnico em Hardware, Técnico em Mecatrônica e estudante de Medicina.



Um pouco sobre nós

    O Grupo Dicas em Geral surgiu em 2007 a partir de idéias inovadoras sobre solução de problemas enfrentados diariamente por quem utiliza a Tecnologia e Informática, tanto usuários comuns quanto técnicos. Mas onde surgiu, por quê e qual é o propósito deste site?

Clique aqui e conheça!

Siga o Dicas em Geral no Google+

Vídeo da Semana